segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Palavras do maridão!!! Artigo: Não é a vida da gente

Posto aqui um artigo escrito pelo meu grande amor: Meu marido! 
Espero que apreciem!Achei bem interessante a comparação feita por ele entre as novelas e a nossa realidade.
Eu sou suspeita para falar, mas adorei!
Principalmente pelo fato de ter possibilitado a ele desabafar um pouco. Esse processo todo dos tratamentos para fertilidade é tão difícil para os maridos, quanto para as mulheres. Eles se sentem impotentes perante todo o sofrimento que a mulher está passando. Vejo pelo meu marido, que sempre falava que daria tudo para ser ele a passar pelas medicações e procedimentos em meu lugar. Vou tentar convencê-lo a escrever mais coisas... Principalmente para ajudar a nós mulheres que passamos pelo tratamento, a compreender mais o que passa na cabeça deles. Amor, te amo cada vez mais e mais! E obrigada por tudo!!

E com vocês......

Não é a vida da gente  por BPereira


Eu nunca fui um grande entusiasta das novelas globais, muito pelo contrário, acho que as vezes até extrapolei em críticas, pois sempre me preocupou o impacto que as informações, sem a menor responsabilidade, têm sobre as pessoas menos favorecidas intelectualmente.

Nunca admiti que, pra certos autores, a vida se resume a passeios na Europa e uma “pobre”vida no bairro do Leblon no Rio de Janeiro. Em um país onde a maioria de sua população se concentra nas classes D e C, me intrigava uma novela mostrar que existem apenas os ricos e seus serviçais, demonstrando que a ascensão desses últimos só se dá por meio de golpe ou ganhando na loteria, e nunca incentivando o estudo e trabalho honesto.
Até então essa hipocrisia cultural não me atingia diretamente, até que resolveram esculachar um drama pessoal que venho enfrentando: a infertilidade e seus tratamentos.

Estava eu em mais uma visita ao IPGO, no consultório do Dr. Arnaldo, quando surgiu o assunto sobre a novela das oito que na época estrearia, a qual trataria do delicado assunto em questão. Dr. Arnaldo disse que fora consultado sobre o tema e que acreditava que a matéria seria bem tratada pela novela. Eu, por outro lado, de pronto expressei meu medo de que o assunto fosse tratado com leviandade e superficialidade como tantos outros, mas restava um pingo de esperança de que tivessem o trabalho de pelo menos pesquisar o assunto. Minha esposa, como sempre, disse que sou preconceituoso com novelas, mas bastou iniciarem os capítulos, que ela me deu razão.

Primeiro de tudo vêm a clinica da fictícia Dra. Daniele, capaz de fazer o IPGO e a HUNTIGHTON parecerem um açougue. Para quem conhece e sabe da excelência dessas duas clinicas sabe do que estou falando. Sob minha ótica é o primeiro passo para distanciar as pessoas comuns da realidade desse tratamento. Quero salientar que sou servidor público, classe média, e que graças a informações deturpadas como esta sempre achei que esse tipo de tratamento fosse coisa de rico.

E eu achando que a desconsideração total com o público fosse ficar apenas na exclusão social, mas a novela foi mais fundo...Resolveu rebaixar a médica especialista aos mais inferiores níveis morais e éticos, gerando dessa vez aos expectadores menos informados, mas necessitados desse tipo de assistência, uma insegurança completa quanto aos procedimentos. A médica “global” utiliza-se do material genético de seu falecido irmão, juntamente com óvulos da sua então namorada para gerar um sobrinho, sem qualquer anuência ou conhecimento de sua paciente, que para variar é uma rica empresária. Na inocente visão do público leigo, o médico especialista em reprodução humana pode brincar de Deus.

Quem me dera os resultados fossem iguais são demonstrados nas novelas! É, disse “nas” porque simultaneamente à das oito, a novela das seis resolveu abordar o tema com a mesma incompetência, onde em mais um assassinato a moral, um casal compra o sêmen do irmão do marido, e vai até os EUA para realizar o tratamento, onde como num passe de mágica a esposa retorna grávida. Na novela das oito o resultado foi análogo. Para quem já atravessou, ou está atravessando esses obstáculos na vida, essas cenas são no mínimo hilárias. Os tratamentos de fertilidade, quais sejam a inseminação artificial ou Fertilização in vitro, que não são a mesma coisa, agregam uma carga emocional absurda no casal-paciente, pois mexe com coisas delicadíssimas. São sonhos de uma vida inteira que estão em jogo. O casal passa por uma bateria de exames, a mulher é submetida a uma quantidade absurda de remédios, os quais mexem com todo seu organismo, além de atacar um lado feminino não menos importante, a auto-estima. Isso mesmo, o ganho de peso é inevitável. As questões ético-morais-religiosas têm que estar muito bem definidas entre o casal, e diferentemente do “mundinho” onde vivem os autores de novela, há grande chance de não dar certo. Na primeira tentativa então, só para pouquíssimos abençoados.

Sei que esse meu artigo não terá a amplitude capaz de informar, muito menos de atingir os irresponsáveis que brincam com sonhos, mas fico feliz em poder compartilhar meu desabafo com você.

Ass; Futuro pai de Proveta, se Deus permitir. "

17 comentários:

  1. Meu amor, BPereira
    Parabéns pelas lindas palavras!!
    Sei que estamos passando por esse momento meio conturbado, mas graças a Deus tenho vc ao meu lado que fez e faz as coisas ficarem muito mais
    simples e leves.
    Sempre estarei do seu lado, mesmo que mais gordinha do que quando vc me conheceu (rsrsrsrs)!
    E agradeço por me falar, que mesmo eu estando mais cheinha agora, estou tão ou mais linda do que antes!!
    Juntos formamos uma fortaleza para irmos em frente em todos os desafios que essa vida nos impor!
    Te amo mais que tudo nessa vida!!
    E agradeço a Deus todos os dias pelo maior presente que ele me deu: VOCÊ!!!!

    ResponderExcluir
  2. Estou plenamente de acordo,pois quando foi anunciado o assunto na novela, fiquei esperando que realmente seria abordado as dificuldades de uma fertilização e o respeito para com as clínicas idôneas que trabalhanm com o método. No caso da personagem então, a própria médica informou que seria, um tratamento demorado e até difícil por causa de sua idade,e não foi nada disso que aconteceu ela engravidou com uma facilidade sem igual,os protocolos diferenciados que são aplicados em pacientes,acarretam vários problemas alguns estéticos, psicológicos e outros mais. E para espanto de todas as mulheres que passam por estes procedimentos, a quais devem ter ficado espantadas, a personagem engravidou logo na primeira, e sem problemas nenhum... achei uma falta de respeito com as clínicas assim como com os casais que estejam passando por isso. verdadeiramente as novelas querem que seu público deixem de lado estes folhetins para assistirem algo com mais sabedoria. O autor deveria estudar um pouquinho mais sobre os assuntos abordados para que todos possamos pelo menos entender e respeitarmos os casais em tratamentos.

    ResponderExcluir
  3. Concordo em gênero, número e grau!!!

    Aliás, a forma como o problema da infertilidade vem sendo tratado pela mídia me revolta há tempos. Já pensei algumas vezes em levantar opiniões de quem realmente sabe o que é isso – o que é a vida de verdade, a "vida da gente", como tão bem colocado – para “atacar” o site da Globo com alguns puxões de orelhas... Mas sabemos que ninguém dará importância a nós, afetados diretamente pelo problema e ofendidos com a leviandade com que o assunto é tratado.

    Sim, a abordagem é LEVIANA, para dizer o mínimo. E isso se aplica à infertilidade em todas as suas nuances.

    Minha revolta começou na já terminada novela Insensato Coração, na qual a personagem da Camila Pitanga começa o folhetim sabendo-se portadora de uma endometriose seríssima, que torna quase impossível uma gestação espontânea. Mas, poxa vida, é Rede Globo, né? O mundo é perfeito! Bastou uma "rapidinha" com o pegador da novela e... PIMBA, tá grávida! Endometriose??? Ah, sei lá!

    Mas até aí tudo bem, afinal, sabemos que DE VEZ EM QUANDO essas coisas acontecem por aí... Nunca vemos dentro da nossa casa, mas de vez em quando acontecem! O problema é que na Globo o milagre acontece duas vezes. Foi só a personagem se casar (com um sexagenário, detalhe – e quem conhece um pouco sobre fertilidade sabe que a idade também tem peso para o homem!), que, PIMBA de novo, engravidou outra vez! Acho que ela enfrentou alguma cura milagrosa para a endometriose... Ou o autor simplesmente "se esqueceu" dessa parte da história...

    Aí, pra piorar, as novelas resolvem abordar reprodução assistida! Tenham a santa paciência!!! Só ouvi bobagens nesses capítulos todos! O que fizeram com as informações técnicas e científicas colhidas???

    A tal "super médica especialista" vende um mundo que não existe... "toma dez injeçõezinhas, retira o óvulo, faz o embrião, coloca na barriga e, pronto, tá grávida!”. Assisti a esse capítulo e foi exatamente assim que a coisa foi vendida! Sem riscos, sem efeitos colaterais, sem impacto emocional, nada! Isso, claro, sem falar na absoluta falta de ética já abordada no artigo acima...

    É como eu já disse uma vez: só falta informarem em qual prateleira você vai e retira o bebê! UMA VERDADEIRA AFRONTA E FALTA DE RESPEITO A QUEM ENFRENTA O PROBLEMA, na vida real. Nessa mesma, onde há muitos médicos sérios e competentes, mas não há uma doutora milagrosa capaz de resolver tudo como num passe de mágicas. Nessa onde a ciência ainda enfrenta limitações, e onde não se pode tudo e qualquer coisa só para se contar uma história...

    Na verdade, a Globo deveria usar o espaço tão amplo que tem para levar informação séria e cultura para as pessoas. Mas, infelizmente, presta apenas um SERVIÇO DE DESUTILIDADE PÚBLICA, criando ainda mais mitos, fantasmas e ilusões em torno de um assunto já tão polêmico...

    Simplesmente LAMENTÁVEL...

    ResponderExcluir
  4. Meu brother, meu orgulho!!
    Ninguém merece ver a Dra. Nazaré Tedesco brincando de tratar fertilidade!!
    Amamos vocês! Bjs e Abçs.

    ResponderExcluir
  5. Adorei o artigo! Melhor ainda se este conseguisse informar grande parte da população, que infelizmente vive na superficialidade que as novelas transmitem.
    Parabéns garoto!!
    bjos da amiga Paula.

    ResponderExcluir
  6. Show o comentário...é a mais pura realidade! Parece um mar de flores uma FIV na globo....ahahahah ridículo! E Dra Daniele liga para saber se a paciente tem enjôo, se tá comendo....ahahahah ai meu DEUS...não tem espera...não engorda...não briga com marido....não tem várias tentativas....isso sem contar que ela tem 40anos...afe maria! Tudo perfeito e maravilhoso! Só rede globo mesmo!
    Valeu pelo post.

    ResponderExcluir
  7. Oi Fiona e Re_sp, minhas queridas amigas virtuais de fórum e-family...
    Obrigada pelos comentários. Vocês são uns amores, ajudando a todas nós no fórum...
    A idéia do blog é essa mesma: trocarmos opiniões e nos sentirmos menos ETs nesse mundo. rsrsrsrs
    Fiona...Que Deus nos abençoe com os nossos milagrezinhos!!
    Re_sp: Que Deus abençoe a sua gestação!! Dessa vez dará tudo certo!!!

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  8. Adorei o artigo, eu fico revoltada como as novelas retratam este tema de fertilidade e o processo de Fiv como se fosse algo simples, fácil e corriqueiro.

    bjs

    ResponderExcluir
  9. Lamentável...

    Eu não assisto "Fina Estampa", mas assisto "A Vida da Gente" e já desconfiava que o assunto abordado seria tratado de forma leviana.
    Passei pelo processo de FIV e sei exatamente os efeitos que nos causa, que vai da ansiedade ao medo constante(sem contar os demais efeitos), onde tive a felicidade de engravidar na primeira tentativa e a infelicidade do aborto logo em seguida...

    Estou revendo "Barriga de Aluguel" onde 3 fatos me espantaram:
    1 - o médico perguntou qual o sexo da criança o casal queria;
    2 - a médica informa a mãe de aluguel quem em 48 horas sairia o resultado se foi positivo ou não;
    3 - a paciente fez a transferência, tirou uma soneca na clínica e pouco tempo depois a médica deu os parabéns informando que ela tava grávida.

    Ah, até meu marido comentou: "porque nós tivemos que esperar mais de 10 dias pra saber se deu certo e com ela foi tão rápido???? Porque não encontramos esses médicos milagreiros????rsrsr

    Ah, só mesmo rindo pra não chorar de raiva. Porque por conta dessas falhas nas novelas é que ouvimos coisas de quem se acha entendido no assunto e que somos os ETs da história.

    Se não fossem os fóruns e nossa própria convivência com trocas de informações, com certeza acreditaríamos mesmo no mundo fantasioso das "pesquisas globais". afffffff

    Beijokas

    ResponderExcluir
  10. Oi Lu_ Fernandes... Obrigada por passar no blog e participar comentando... As novelas da globo estão abusando da nossa boa vontade mesmo, né??

    Já estou seguindo seu blog também...Parabéns pela gravidez! Que Deus te abençoe muito!

    Também tenho trombofilia MTHFR Heterozigoto no C677T, e foi ótimo ver o seu blog e vc gravidíssima!!! Foi uma esperança para mim!
    Fique com Deus!
    Bjos, RÊ

    ResponderExcluir
  11. Rê, com certeza em breve você terá sua benção em seu ventre. Nunca desacredite disso.
    Assim como eu, muitas estão vencendo esse pequeno grande problema que é a trombofilia e você será mais um vencedora. Em nome de Jesus!
    Eu também sou heterozigota para o MTHFR, só que nos dois genes.
    Com o médico certo e as devidas medicações, nossos sonhos se realizam sim.
    Estou na torcida pra em breve vir aqui te felicitar pelo belo positivo!
    Bjk

    ResponderExcluir
  12. Nossa!!! Parabéns pelo artigo.

    Outro dia me senti muito mal pq uma comadre (que não entende nada de tratamento não sabe a diferença emtre FIV e IA),veio me perguntar se o que eu vou fazer (não sabe que já fiz) é igual da Ester... Disse que tenho que ser corajosa por gerar um filho de outra pessoa. Affff!!! QUE ABSURDO: primeiro pq mesmo que seja ovodoação, que não é meu caso, o filho seria MEU! Depois que agora todos pensam que FIV é com semem de doador e óvulos doados??!!! A faça me o favor!
    Infelizmente estamos a mercê de informações destorcidas nessas novelinhas!
    Obrigada por compartilhar conosco sua indignação!
    Abrç

    ResponderExcluir
  13. Pois é.... As pessoas ainda confundem muito mesmo. Isso acontece porque as novelas desinformam ao invés de informar. Prometo que essa semana mesmo vou colocar uma postagem aqui no blog explicando as diferenças entre a inseminação artificial e a fertilização in vitro.
    Continuem a participar do blog.
    Abraços, Rê

    ResponderExcluir
  14. Entrei aqui pra acompanhar sua historia, e adorei esse desabafo do seu marido. Ontem estava pensando a mesma coisa, em como o mundo das mil maravilhas engana e ilude quem não sabe e revolta quem passa por isso, sem respeito algum no sofrimento que o casal passa. Tô contigo!!

    ResponderExcluir
  15. Gostei muito do desabafo, vc está de parabéns...Vou dar pro meu marido ler...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Adri... Seja bem vinda ao cantinho!!
      Bjos, Rê

      Excluir
  16. Bom, eu só ouvri o furdunço a cerca do assunto novela, mas, a muitos anos que não sei o que é uma novela, principalmente as globais.
    Adorei o desabafo, mto bem elaborado.
    abraços e parabens ao papai de proveta, Deus realizou o sonho de vcs.

    ResponderExcluir